10/06/2017

Decoração com plantas - deixe sua casa mais viva!

Na minha infância eu vivi em uma casa cheia de plantas e quando tive minha própria casa eu até que tentei deixar ela mais verde e viva, mas não tenho muito jeito com as plantinhas e quase todas morrem nas minhas mãos. Infelizmente!!!

Leia Também:

Um belo dia eu ganhei um cacto, e depois de ver que mesmo quando eu passava meses sem aguar ele não morria, achei que deveria começar a praticar o zelo por plantas com essa categoria de plantas, já que é quase impossível matar um cacto, acho que ele se torna a melhor opção pra quem quer uma casa verde, mas não tem jeito com plantas!

Esse foi o meu primeiro cacto, ele tem mais de cinco anos, já esteve em vasos grandes e pequenos, ano passado eu cheguei a jogar ele fora, estava com raiva e joguei o vaso no fundo do quintal, depois de meses, fui lá ver e ele ainda resistia, tinha morrido uma parte, mas deu pra salvar essas duas mudinhas que agora são meus xodós 💓

Na minha casa atualmente eu tenho 11 plantinhas, onde 6 são cactos! Tenho também duas Espadas de São Jorge (uma verde e uma verde com a borda amarela), uma suculenta, uma samambaia e uma outra plantinha que peguei na minha vô, mas não sei o nome dela.

Se você não leva jeito com plantas te recomendo, por experiência própria, que comece com cactos e com a Espada de São Jorge, com essas plantas não tem erro, elas são bem difíceis de morrer, e com isso a sua técnica de zelo vai aumentando e quando você ver elas crescendo vai querer ter uma casa cheia de plantinhas rsrsrs
Essa é minha Espada de São Jorge verde, eu tenho outra qualidade dessa planta, mas a mudinha ainda esta em fase de recuperação da poda e transplante de vaso, então ela esta bem feiinha rsrsr, aqui na minha região dizem que essa planta deve ficar na entrada da casa, pois afasta o mal olhado. A minha fica pendurada ao lado da porta da sala, vai saber né?! rsrsrs 


Essa é minha única suculenta, já tive outras, mas consegui matar elas, essa é uma plantinha da família das suculentas que, se plantada no chão, vira praga, essas pequenas folhas na ponta das folhas grandes são mudinhas, onde essas mudinhas caem nasce uma plantinha que gera mais mudinhas, um ciclo sem fim de mudinhas de suculenta!

Essa plantinha no cachepô de crochê eu não sei o nome, se você souber coloca pra mim nos comentários que eu atualizo o post, ela foi a primeira planta "normal" que tive, ela já quase morreu um punhado de vezes, não pode muito sol, nem muita sombra, nem muita água nem pouca água, eu olho pra ela e me sinto vitoriosa!

O maior desafio da minha vida é essa Samambaia, ela ainda está meio capenga, meio pra baixo, mas tem meses que estou lutando com ela, tudo que faço dá errado, meu problema com as plantas "normais" é que de vez em quando eu esqueço delas e passo uns dois dias sem aguar, aí elas dão uma morrida. 

Samambaia é uma planta brejeira, que gosta de lugares úmidos e quentinhos, por isso são nativas de barrancos de córregos. Mesmo com meus vacilos na rega, tenho fé que essa vai ser uma samambaia linda e encorpada um dia!
/ /

E aí? O que achou das minhas plantinhas? Você leva jeito com plantas ou é um desastre como eu? Me conta aí!

Postar um comentário

Olá seja bem vinda aos comentários do blog Depois que você se foi.
Fique a vontade para comentar, então deixe abaixo a sua opinião sincera sobre esse post.
Volte sempre!

Depois que você se foi © . Todos os Direitos Reservados - Por: Gardenya Barbosa.