07/11/2016

{Casa dos Sonhos} Planta Baixa

NHP5D6VX99

Lá se vão 4 anos morando de aluguel, 4 longos anos de ansiedade, de sonhos e planos não executados. É muito frustrante, vocês não fazem ideia do quanto. Já houve momentos em que pensei que estava bem próximo de voltar a ter a casa própria, mas esse momento escorregou pelos meus dedos de tal forma, que no fim, achei melhor sacudir as mãos e esquecer os planos, desistir dos sonhos. Liguei o foda-se.

Agora estou num novo momento, onde um fio de esperança nasceu em mim, onde eu penso novamente na possibilidade de começar a construir minha casa própria. Mesmo não tendo a mesma grana que eu tinha antes, nem as mesmas condições, na verdade se eu pensar muito acabo perdendo o pouco de esperança que tenho.

Enfim, hoje eu trouxe algumas plantas baixas que fiz, usando o paint rsrsrs, não sou profissional, longe disso, sou apenas uma pessoa sonhadora, com algum tempo livre na frente do computador e muita paciência pra mexer no paint kkkk

Espero que gostem, eu realmente pretendo usar uma delas na minha Casa dos sonhos.

abrecirculacao-planejada-em-nome-do-conforto

Essa planta é construída na metade de um lote de 15x30mt, ela me chama muita a atenção por ter um corredor, pode usar a lateral como muro e ainda vai sobrar espaço no terreno para aumentar futuramente, o único problema é que não consegui encaixar outro banheiro nela, e um banheiro só é muito pouco pra uma família de 4 pessoas.

abrecirculacao-planejada-em-nome-do-conforto2


Essa planta já foi a preferida, mas hoje não é mais, ela usa o fundo do terreno como base, também dá pra usar as paredes do fundo como muro, tem corredor, tem balcão e uma cozinha semi aberta, onde nessa área da frente seria usado grandes para evitar os gatos dos vizinhos e os eventuais ladrões kkkk Ela deixou de ser a preferida, por sobrar muito terreno sem utilidade, quero um espaço menor de quintal.

e7ac3b65185c21b324a6d1a65d62feb6

Essa aqui, tem dois banheiros, corredor, balcão e mais um monte de qualidades que me agradam, o problema é que eu fiz ela inspirada em um vídeo de tour por apartamento de uma blogueira (não lembro qual agora), e como é um apartamento, não sei se ficaria tão legal numa casa. Mas ela é quase a preferida, quase.

/ /

Eu vivo fazendo essas plantas, brincando de desenhar, faço à mão nos meus cadernos ou faço no paint mesmo, e quando ficam boas eu coloco lá no meu painel Planta Baixa do Pinterest, confere mais plantas por lá.

E aí? O que acharam dos meus desenhos?

image_thumb[19]

4 comentários so far

  1. Menina, arrasou na planta rsrs Gostei muito da ultima, achei a mais funcional. Gosto muito do conceito aberto para sala e cozinha, com certeza é o que eu escolheria pra mim.
    Espero que consiga realizar logo logo seu sonho. Eu, quando puder, também quero construir minha casinha do zero, mas vamos ver o que a vida nos reserva...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb amei essa última, e sempre morei em casa que tem a cozinha aberta pra sala, nem sei se conseguiria morar numa casa com formato diferente. Tomara que a gente dê conta de realizar os nossos sonhos. Boa sorte pra nós.
      Bjim

      Excluir
  2. Muito profissional suas plantas rs. Eu tive o sonho da casa própria realizada mais ou menos rs. Comprei meu apê, mas ainda não é o que eu quero. Tem uma cozinha mini e tenho pouco espaço e amo cozinhar. Minha cozinha é estilo americana e se pudesse fecharia, pois qualquer coisa que faz por lá, empesteia a casa e se eu colocasse uma coifa das boas, perderia armários.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amo cozinha aberta, mas realmente é chato quando empesteia a casa toda, ainda mais quando fazemos fritura, eu não sou muito boa na cozinha, então quero uma cozinha pequena, mas não mini rsrsrsrs, que bom que gostou das minhas plantas rsrs
      bjim

      Excluir

Olá seja bem vinda aos comentários do blog Depois que você se foi.
Fique a vontade para comentar, então deixe abaixo a sua opinião sincera sobre esse post.
Volte sempre!

Depois que você se foi © . Todos os Direitos Reservados - Por: Gardenya Barbosa.