10/02/2016

Como economizar na compra do material escolar dos filhos

image

Não sei se vocês perceberam, mas a crise financeira chegou na minha vida tem uns 27 anos, mais ou menos! Eu vivo falando aqui que sou "classe média baixíssima", mas atualmente acho que posso me transferir para uma "classe baixa baixíssima", o trem tá feio aqui em casa minha amiga! O jeito é economizar, em tudo, e isso inclui certamente o material escolar das crianças.

A Duda já vai fazer o 4º ano do ensino fundamental, e o material dela é mais elaborado, tem muito mais itens, sem contar que ela é meio exigente, desde o ano passado que vem falando que nesse ano iria querer uma mochila de costas (a dela era de rodinhas e tinha dois anos de uso) e ainda tinha que ter o tema das Monster High ou das Ever After High, que são uns dos modelos/estampas mais caros de mochilas no mercado. Como mãe, a gente fica de coração partido quando não consegue dar para os filhos o que eles pedem não é mesmo?!

Então minha busca pelo material escolar dela começou no dia 02 de janeiro, buscando as promoções de início de ano e pesquisando o melhor preço, fiz minhas pesquisas online e nas papelarias da cidade, e olha, valeu muito a pena, depois de uns vinte dias pesquisando e esperando promoções e descontos, consegui economizar uns 60% no valor final do material.

O material do João Bernardo, que está no Maternal da creche, vai ser quase todo reaproveitado do ano passado, a mochila vai ser a mesma, o uniforme, os brinquedos e o copo, a única coisa que vou trocar é a mamadeira, mas isso eu já faço de 3 em 3 meses mesmo. Então o custo do “material escolar” dele foi R$ 30,00 reais, incluindo a mamadeira e duas folhas de E.V.A que a creche pede.

Como economizar?

A lista de materiais da Duda pedia algumas coisas que certamente você já tem em casa, mas que as crianças quase obrigam a gente comprar de novo todo início de ano, além da geração de lixo que isso produz, estamos gastando desnecessariamente com esses itens, por exemplo:

Régua: Fui procurar uma régua aqui em casa e achei três, uma de 30 cm e duas de 20 cm, uma delas inclusive tinha o tema do Mickey, depois de lavada vai ser reaproveitada no material da Duda desse ano.

Borracha: Achei nada menos que 7 borrachas perdidas aqui em casa, de todos os tamanhos e formas, novas e velhas, uma delas era rosa com glitter, estava bem suja, mas depois de um banho com água e sabão ficou nova.

Pincel: A Duda adorar pintar, então tintas e pincéis é uma coisa que tem bastante aqui em casa, as tintas não tem como reaproveitar por estarem pelas metades, mas como a escola pediu apenas um pincel foi fácil, um gasto à menos.

Porta lápis: Depois de uma grande vasculhada na caixa de brinquedos encontrei três porta lápis (aquelas bolsinhas com zíper, sabe?), um estava bem velho e dois estavam supernovos, escolhi pela cor que vai combinar com a mochila dela, esse foi um item que gerou a maior economia, já que uma bolsinha dessas chega a custar R$ 40 reais.

Lápis: Gente aqui em casa tem um milhão de lápis espalhados pelos potes e gavetas, então peguei os maiores e menos usados e separei, para esconder pequenos defeitos, vou comprar umas fitas adesivas coloridas e encapar, mas já guardei todos em um único lugar e não vou precisar comprar lápis pelo resto do ano.

/ /

O Material escolar da Duda:

image

A tal da mochila das Monster High, foi um caso complicado, passei dias pesquisando em lojas online, já que aqui na minha cidade os preços estavam sem noção (não tenho outra palavra para definir, mas eram uns 200% mais caro que na internet). Então depois de me cadastrar nas lojas online que vendem mochilas e ficar de olho nas promoções, eis que recebo uma promoção da loja própria da Sestini, a marca que produz as tais mochilas.

Não era o modelo que a Duda queria, era um modelo mais pra adolescentes do que crianças de 9 anos, mas com uma boa lábia, consegui convencer ela que aquele modelo era o mais lindo e descolado do universo e que ninguém teria uma mochila igual aqui na cidade.

Claro que ela topou comprar o modelo que estava na promoção e eu consegui um descontão, de 119,99 a mochila estava por 49,99, paguei 20,00 reais no frete, mas tive um desconto de 10% por ser a primeira compra no site, no fim das contas paguei apenas R$ 64,00 reais na mochila, que geralmente é o item mais caro do material escolar.

Aí vem outro problema, o caderno! Vocês viram que um caderno bacana de 10 matérias está custando em média 30 reais? Pois é, quase enfartei quando vi os preços, mas me lembrei que quando eu estudava minha mãe sempre comprava o material escolar no supermercado mesmo, e dizia que era muito mais barato que na papelaria. Fui fazer o teste e minha mãe tinha razão (como sempre!).

Consegui comprar o caderno dela por 14,99 reais, ainda aproveitei pra comprar a tinta guache, o lápis de cor, as canetinhas, a cola e o apontador, tudo bem mais barato que na papelaria. A tinta guache, por exemplo, no supermercado custou 2,99 e na papelaria era 4,99.

/ /

Bom meninas é isso, com pesquisa de preço e muito bom senso, consegui montar o material escolar da minha filha e ela amou tudo, está tudo do jeitinho que ela queria e meu bolso agradece. No fim das contas gastei pouco menos de 100 reais com todo o material dela e a mochila é tão boa que com certeza dura pra ser reutilizada ano que vem, já que essa história de trocar de mochila todo ano é coisa de classe média altíssima que não liga pro meio ambiente nem pro bolso. E esse não é o nosso caso né hahaha

E aí? O que vocês fazem pra economizar no material escolar dos filhos de vocês? Tem alguma outra dica pra me dar?

Loja online onde comprei a mochila desse ano Sestini.com – loja onde comprei a mochila do ano retrasado Agomes.com - (não é publieditoral, mas bem que eu queria que fosse)!

Ah se quiser saber minhas outras dicas de como eu vou economizar e juntar uma grana no ano de 2016 vem ler esse post AQUI. E eu também ensinei como fazer uma festa de aniversário para crianças gastando apenas 500,00 reais AQUI.

image_thumb4_thumb

Um comentário so far

  1. Amei o post. Ótimas dicas. Todo começo do ano vejo pessoas conhecidas reclamando dos gastos com os materiais escolar dos filhos, mas todos acham mais fácil ir na papelaria e comprar tudo de uma vez (as vezes o mais caro só porque é de determinado personagem) do que pesquisar e ver o que já se tem em casa.
    A propósito já estou indo ver os outros 2 posts que você indicou :D

    www.ideiastrocadas.com

    ResponderExcluir

Olá seja bem vinda aos comentários do blog Depois que você se foi.
Fique a vontade para comentar, então deixe abaixo a sua opinião sincera sobre esse post.
Volte sempre!

Depois que você se foi © . Todos os Direitos Reservados - Por: Gardenya Barbosa.