21/08/2011

Feliz ou Infeliz?

Tem dias que olho pra minha vida e penso se estou feliz ou infeliz, se é isso que eu queria mesmo pra mim ou se eu devia mudar alguma coisa antes que seja tarde demais, ai vejo que não sei, não absolutamente nada. As vezes, na maioria das vezes, eu acho que sou feliz e que minha vida é boa e quase perfeita, mas tem dias que sei lá bate aquela duvidazinha maldita.
Qual o conceito de felicidade? O que é realmente estar feliz? É muito complicado, são tantas coisas que giram ao nosso redor que nos fazem ter sentimentos diferentes, hoje eu tenho completa certeza de que sou e estou feliz na minha vida pessoal, meu casamento, minha convivência com minha filha, está tudo ótimo, mas minha vida profissional esta passando por uma crise que me faz sentir que não estou 100% feliz.
Ai pensando sobre tudo isso descobri que esse negocio de felicidade é pura loucura, é praticamente impossível estar totalmente bem e feliz, sempre vai ter os dois lados na sua vida, sempre vai ter felicidade e infelicidade, amor e ódio, paz e guerra, e etc etc etc...
Foi bom descobrir isso, acho que agora vou parar de exigir tanto assim de mim, da minha busca por total felicidade. Então façam uma análise da vida de vocês, vejam se realmente dá pra ser 100% feliz porque eu acabo que descobrir que Não dá e sabe eu gostei de descobri isso.

5 comentários so far

  1. è verdade, tem horas que da vontade de fazer como nas novelas, muar de cidade de noe e recomeçar.. mas passa e nos sentimos felizes com o sorriso dos filhos, ate a mania do marido que esta longe fica fofa rsrs, temos que viver os momentos, ninguem é 100% mega feliz 24 horas, e quem finji que é, talvez esteja se enganando, ao inves de nos que nos questionamos bjus boa semana

    ResponderExcluir
  2. Seria bem legal poder mudar de país, de cidade, de nome, de classe social, toda vez que aparecesse um problema!!!Por isso parei de assistir novelas!kkkk

    ResponderExcluir
  3. O conceito de felicidade é abstrato e pessoal.
    Cada sabe o que é ser e estar feliz.
    O que importa é que os momentos felizes compensem aqueles que não foram tão bons assim.
    Creio que a infelicidade existe para que a gente possa enxergar a verdadeira felicidade, aquele sentimento tão nosso que faz valer a pena viver.
    Às vezes tenho umas crises de consciência também. Me pergunto se estou fazendo tudo certo ou tudo errado, porém percebo que isso não existe.
    A vida é feita de erros e acertos, de aprendizagem diária e contínua.
    No final, o que resta são as boas lembranças e a nossa vontade sem limites de fazer e ser feliz!

    ResponderExcluir
  4. Acredite linda, NINGUÉM mas absolutamente NINGUÉM é 100% feliz, até por que isso não existe! isso pode até parecer no facebook ou orkut enfim, afinal nessa vida virtual todo mundo parece ser lindo, rico e feliz Oo
    Acontecimentos que fazem com que a vida não seja 100% felicidade é o que faz com que cada momento seja bom, e realmente feliz, e único!
    Essas adversidades que encontramos na nossa vida pessoal e profissional, nos fazem amadurecer, pode parecer clichê...mas é fato!
    É normal que quando nos deparamos com esse problemas, a gente queira fugir, negar, mudar para outra cidade, país se possível até outro planeta... mas acredite vc não é a única a querer isso! mas ainda bem que na maioria das vezes a gnt não pode e é nessa hora que podemos ver o quanto somos fortes =)

    Beijo gata e bom início de semana !

    ResponderExcluir
  5. Ví e Jessica, vocês duas foram poéticas agora, realmente falaram tudo, cada uma com um pensamento diferente, mas no fim uma ótima teoria, por isso adoro escrever essas coisas que eu penso aqui, eu aprendo demais com vocês.
    Valeu meninas!!

    ResponderExcluir

Olá seja bem vinda aos comentários do blog Depois que você se foi.
Fique a vontade para comentar, então deixe abaixo a sua opinião sincera sobre esse post.
Volte sempre!

Depois que você se foi © . Todos os Direitos Reservados - Por: Gardenya Barbosa.