05/02/2011

O que é o Desejo Sexual Hipoativo (DSH)

Muitos mulheres sofrem com o Desejo Sexual Hipoativo - DSH - e muitas nem sabem o que é ou o porque que são assim. Baseada em experiências pessoais, resolvi pesquisar sobre o assunto e descobrir mais a respeito, depois me muita pesquisa decidi que tais informações são tão importantes que devem ser compartilhadas com vocês. Talvez algumas de vocês sofram com esse distúrbio e não saibam o que fazer, quero que sintam-se a vontade para deixar suas experiências nos comentários ou se preferir me mandarem por e-mail.
Mas o que é o Desejo Sexual Hipoativo (DSH)?
Em resumo o DSH é a falta de desejo sexual, pode ocorrer em homens e mulheres, mas a maior incidência são em mulheres com faixa etária de 18 a 35 anos, é marcado pela falta de interesse sexual e falta de libido. Em outras palavras a DSH é a triste realidade de várias mulheres que não sentem vontade de fazer sexo.
O que causa o DSH?
Vários fatores causam o DSH como a depressão, doenças genéticas, traumas na infância, mulheres que sofrem abuso sexual tem grandes possibilidades de ficarem hipoativas, meninas que sofrem grandes traumas com a perda da virgindade, mulheres que sofrem com problemas hormônais, crises no relacionamento e etc. Os traumas e a depressão são os principais causadores do distúrbio.
Como saber se estou com DSH?
O DSH se manifesta lentamente, a perda  do apetite sexual vai acontecendo sem que você perceba, logo chega ao ponto da mulher ficar meses e ate anos sem fazer sexo e sem a mínima vontade de fazer o mesmo. Algumas mulheres confundem um simples cansaço com DSH, só porque você não faz sexo todo dia ou não tem a mesma disposição do seu parceiro não quer dizer que você tenha o distúrbio, talvez você só esteja cansada do trabalho, da casa, filhos e etc, ou esteja com alguma crise no seu relacionamento.
Quando a mulher percebe que não sente a mínima vontade de fazer sexo e mesmo estimulada pelo parceiro ainda fique com certa "preguiça" de fazer pode ser um mal sinal, o melhor a se fazer é procurar ajuda, que pode ser de um médico ginecologista, um psicólogo, psiquiatra ou ate um terapeuta sexual, esses profissionais vão saber diagnosticar o seu caso e dizer se é ou não o DSH.
Quais os tratamentos?
Cada caso é um caso, algumas mulheres precisam de hormônios outras de uma ajuda psicológica, por isso é importante procurar um profissional, só ele vai saber o que mais poderia te ajudar. Algumas mulheres nunca procuram ajuda e sofrem com o problema a vida toda, mas o DSH tem cura e pode ser tratado.
Minha opinião:
Eu tenho amigas que são viciadas em sexo, não daquelas doentes, mas daquelas que adoram e fazem todo dia com seus maridos, que ficam loucas quando eles viajam, que se masturbam e tudo mais, já cheguei a pensar que talvez eu tivesse o DSH, porque sexo não é a coisa mais importante do mundo pra mim, mas descobri que eu sou diferente delas, não sou doente, eu só dou valor a coisas diferentes, quando meu marido viaja sinto falta de dormir abraçada com ele, das nossas conversas, do companheirismo, sinto falta de um monte de coisas primeiro pra depois pensa no sexo. Acho que sou mais romântica, também sou muito reservada, não daquelas que a casa esta cheia de visitas e eu entro pro quarto e vou transar, também não consigo se estou com raiva ou preocupada, o principal é que eu não faço pra agradar o meu parceiro, só faço se for ser bom pra mim, então se eu não estiver afim não tem santo que me convence.
Dividi minha opinião com vocês e agora quero a suas, comentem, debatam, que esse assunto é muito sério, espero ter ajudado vocês, não especialista no caso, mas passei o dia todo pesquisando, abri tantos sites e li tantas matérias que escrevi esse post com minhas palavras e por isso não vou colocar referencias, mas se você acha que tem o DSH o bom é ler o meu post e correr pro médico e não sair por ai tentando se auto medicar.
Beijos
Gardenya Barbosa

6 comentários so far

  1. Oi
    Linda
    Então somos duas, se estou nervosa e preocupada não tenho pic pra nada. Eu curto muito mais uma companhia, um abraço um papo descontraido do que uma hora de sexo, não que eu não goste, gosto com meu marido, mas tem que estar muito a fim pra ser muito bom, senão não rola.
    Beijos
    klessa's Moda & Cia

    ResponderExcluir
  2. Klessa estamos no mesmo barco, vamos montar um clubinho amiga.kkkk
    Bom domingo pra vc tb Monike é muito bom ver vc sempre por aqui.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo8/1/15 11:50

    Nossa foi tão bom ler esse post e principalmente sua opinião. Até então eu achava que era doente ou que tinha alguma coisa errada comigo, mas felizmente eu sou normal... Eu também sou mais quieta com relação a isso. Eu prefiro mais as conversas, o abraço um filme juntinhos, do que uma hora de sexo.Obrigado por dividir isso com agente, ainda bem que sou normal! Um beijinho....

    ResponderExcluir
  4. bom dia nesses ultimos anos nao sinto desejo pelo meu marido mas gosto muito da companhia dele mas sinto desejo por outros isso e normal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não acho que seja normal não Iza, e acho que vcs estão precisando pensar em como está essa relação, quando não se tem desejo pelo marido, mas tem por outros homens, pode significar que seu amor e paixão por ele acabaram, e que ficou apenas a amizade construida pela anos de convivência.
      Talvez seja bom procurar um terapeuta de casamentos ou simplesmente sentar com seu marido e ver o que pode estar causando essa falta de interesse, se foi um trauma no casamento de vocês ou atitudes dele que estão de deixando desinteressada, tudo isso conta.
      Espero muito que consiga resolver, e que seu casamento continue firme, pois família é tudo.
      bjim

      Excluir

Olá seja bem vinda aos comentários do blog Depois que você se foi.
Fique a vontade para comentar, então deixe abaixo a sua opinião sincera sobre esse post.
Volte sempre!

Depois que você se foi © . Todos os Direitos Reservados - Por: Gardenya Barbosa.